sintese.arq

a school as a full and empty diagram

concurso africa school project

status: projeto
ano de projeto: 2019
local: benga | malawii
arquitetura: igor coimbra, ricardson ricardo, matheus pardal [autores];
prêmio: finalista

Uma escola como um diagrama de cheios e vazios

O projeto da escola foi desenvolvido a partir da composição de volumes cheios e vazios, ordenados por uma malha rigorosa de 7,20m x 7,20m. Um anel de circulação interna é responsável por conectar todos os volumes e fornecer coesão ao conjunto.

Um grande pátio interno é o resultado dessa operação. Nele existem atividades lúdicas ligadas à terra, água e agricultura. Dois canais de drenagem emergem como riachos nessa paisagem construída – eles guiam as águas capturadas pela cobertura e contribuem para manter um microclima no espaço do átrio. Nesse ponto, os pilares da estrutura tocam a água, dando uma sensação de leveza à estrutura.

As salas de aula são organizadas em um arranjo de 4 salas. Sem paredes estruturais internas, as partições podem articular e criar espaços novos, mais abertos e inclusivos – salas de estudo para 50 ou 100 alunos.

A grande quantidade de espaço negativo entre os programas permite melhor ventilação do edifício e maior permeabilidade visual.

O resultado da solução formal adotada vista no nível de pedestres que sai da rua é uma série de volumes construídos de terra intercalados por espaços vazios de luz e vegetação, cobertos por um plano horizontal linear.